Pular para o conteúdo principal

PREVISÕES DO MESTRE BABALUBAUÊ PARA 2022


Enfim, chegamos a 2022. Passou-se mais um ano em que os "perrengues" foram os piores possíveis de nossa geração. Epidemia, falta de dinheiro, divisão política, intelectual, falsidades ideológicas, fakenews... Vimos tudo que há de pior no ser humano e para o ser humano. Não sei vocês, mas "eu" descobri, da maneira mais sórdida possível, que o ser humano está no topo da cadeia evolutiva, não por mero acaso. Ele faz o que for possível para permanecer por lá. Se precisar matar, ele mata, se precisar mentir, ele mente, se precisar roubar, ele rouba. Simples assim. Você parece estar chocado? Não, não está mais, há muito tempo. Eu diria que você é apenas mais um conformado e acostumado a levar a vida como pode, assim como os outros de sua espécie... Nós humanos.

É amigo, não está fácil para ninguém. Imagina que esses dias, encontrei o Super Homem só de sunguinha vermelha na praia e acreditem se quiser, ele me ofereceu sua ilustre sunguinha por algumas moedinhas. Ele já havia vendido a capa e o resto todo de sua vestimenta pouco antes do Natal. Dias difíceis.

Ultimamente, tenho percebido que o branco dos meus olhos mudou sua coloração. Agora está meio amarelado. Devo acreditar que é a quantidade de ovo cozido que venho comendo. Juro que tento fazer minha parte na diminuição do efeito estufa mas, infelizmente, o ovo cozido também me faz produzir mais gases que vão para atmosfera, ou seja, tenho soltado tanto pum que não consigo ficar perto de mim mesmo.
Sem mais delongas, o nosso repórter Esbrignight entrevistou o Mestre Babalubauê que fez as previsões para 2022. Acompanhem.

Repórter Esbrignight: - Como vai o senhor, Mestre Babalubauê?
Mestre Babalubauê: - Gosto de ir à pé mesmo... Mas quando tenho dinheiro, vou de Uber.
Repórter Esbrignight: - Que bom. Vamos começar bem essa entrevista. Mestre, como será o ano de 2022 em uma visão mais ampla?
Mestre Babalubauê: - Você prefere com binóculo ou com luneta?
Repórter Esbrignight: - E qual seria a diferença?
Mestre Babalubauê: - Com um binóculo, podemos enxergar um futuro menos distante, já com uma luneta, podemos saber a cor da cueca que o próximo Presidente estará usando quando começar a apuração dos votos no final de 2022.
Repórter Esbrignight: - E o senhor saberia nos dizer qual seria a cor e o dono dela?
Mestre Babalubauê: - No momento, vejo apenas um Presidente sem cueca. Difícil identificar. Mas posso adiantar que a marquinha da sunguinha sugere uma tanga enfiada no fiofó.
Repórter Esbrignight: - Interessante esse detalhe. O senhor pode continuar com as previsões que achar mais importantes, não vou interrompê-lo mais.
Mestre Babalubauê: - Obrigado. Bom... Na música, o cruzamento de uma das Luas de Júpiter com o emaranhado dos cabelos de Caetano, sugerem uma reviravolta na música popular brasileira. O "Sertanojo" continuará entre os tops das paradas, seguidos de perto dos "Youtubers", que ficaram famosos da noite para o dia. Nomes que nunca se renovam e maquiam antigos sucessos, continuarão enchendo linguiça na TV aberta. A "TV Bobo" e a "Badernantes" disputarão com afinco esses artistas de décadas passadas. Lulu continuará com seus hits que embalaram a Arca de Noé durante o último dilúvio.
Na política, este ano será o mais maluco de todos os tempos. Antigos inimigos se unirão em um cinturão de dar enjoo. Até aqueles eleitores que nunca se importaram com política, estarão acompanhando de perto a corrida pelo pódio mais alto. Coxinhas se unirão a Moluscos do Mar Vermelho para enfrentar "Capitães Homofóbicos".
A meteorologia continuará não prevendo com precisão as fortes chuvas. Como sempre elas continuarão caindo na cabeça do povão enquanto os ricos "assistem a tudo em cima do muro... Em cima do muro!",  como dizia o Cazuza.
Nos esportes, o Palmeiras continuará ganhando os principais títulos do futebol brasileiro.
Por enquanto é só.
Repórter Esbrignight: - Obrigado ao Mestre Babalubauê pela gentileza em nos conceder essa entrevista. Feliz 2022 aos que conseguirem sobreviver a tudo isso. Repórter Esbrignight para o plantão Moodcomics.

Mood

Texto/Ilustração: Mood

Postagens mais visitadas deste blog

JOÃOZINHO E A PÁSCOA

- Papai, o que é Páscoa? - Ora, Páscoa é ...... bem ...... é uma festa religiosa! - Igual Natal? - É parecido. Só que no Natal comemora-se o nascimento de Jesus, e na Páscoa, se não me engano, comemora-se a sua ressurreição. - Ressurreição? - É, ressurreição. - Marta, vem cá! - Sim? - Explica pra esse garoto o que é ressurreição pra eu poder ler o meu jornal. - Bom, Joaozinho, ressurreição é tornar a viver após ter morrido. Foi o que aconteceu com Jesus, três dias depois de ter sido crucificado. Ele ressuscitou e subiu aos céus. Entendeu? - Mais ou menos ....... .Mamãe, Jesus era um coelho? - Que é isso menino? Não me fale uma bobagem dessas! Coelho! Jesus Cristo é o Papai do Céu! Nem parece que esse menino foi batizado! Jorge, esse menino não pode crescer desse jeito, sem ir numa missa pelo menos aos domingos. Até parece que não lhe demos uma educação cristã! Já pensou se ele solta uma besteira dessas na escola? Deus me perdoe! Amanhã mesmo vou matricular esse moleque no catecismo! -

Final dos tempos

Como dizia minha mãe: "É o final dos tempos.". Hoje fico em dúvida sobre o que ela queria dizer com essa frase, mas no momento em que era dita, fazia todo o sentido do mundo. E lá se vão 40 anos! Falando em tempo, mês passado já não sabia se estava fazendo 55 anos de vida ou 56. Pode não parecer,  mas isso mexe demais com o nosso subconsciente. Cheguei a pensar: "Eram os Deuses astronautas?". Talvez... Mas o que o suco de abacaxi tem a ver com o rabo da lagartixa? Essa é uma história longa demais que vou deixar para outro dia. O importante é que o envelhecimento da mente é muito preocupante. Sei que sempre houveram catástrofes, desde os tempos mais remotos. Temos referências históricas sobre esses fatos, seja em hieroglifos ou em textos de papiro. O fato é que vivemos em um planeta sujeito à mudanças climáticas, acomodações de placas tectônicas e tudo o mais. Se formos pensar bem, não é que esteja acontecendo mais do que antes, o fato é que a população mundial cresc

Selva!

Como diria o Tarzan: "Ôoooooooooo ô o o..... oooooooooo!". E o Brasil foi para o brejo, novamente. Depois de quatro anos limpando a "merdalhada institucionalizada" durante os 14 anos de poder dos vermelhos, voltamos a estaca zero. Não adiantou nada o Mito ser honesto, chorar diante das câmeras, abaixar a cabeça diante do "Careca Xavier da Corte", que acabou levando fumo. Faltou socar o pau e lutar de igual para igual contra o bando de corruptos. Não adianta, se você vai lidar com bandidos, deixe as flores em casa. Fale e aja de igual para igual, senão você será engolido. Ouso até dizer que os ditos patriotas foram muito inocentes. A esquerda vermelha está acostumada com a "maracutaia", sabe bem o que fazer para distorcer a história. E não se enganem, com muito dinheiro. O que mais ouvi nesta corrida eleitoral foi a palavra "narrativa". Só cego não vê que, dos dois lados, houve uma enxurrada de desvios de narrativas, falsas notícias, coi